Buenos Aires y yo…

Na realidade, acho que eu tenho uma história peculiar com Buenos Aires… Meu irmão foi casado com uma argentina, os pais dela são amigos dos meus pais até hoje, aprendi muito espanhol com a minha ex-cunhada… Quando estive na cidade pela primeira vez, com a minha amiga Cláudia, ficamos 10 dias hospedadas em Belgrano, fomos guiadas pela minha ex-cunhada, pegamos muitas dicas com os pais dela, freqüentamos lugares onde quase nenhum turista brasileiro vai – e deixamos de ir onde todos vão… o 

O resultado é que demorei 4 anos para ir a La Boca, porque isso era um programa para turistas… Demorei 7 anos para ir ver o meu primeiro show de tango (e só fui praticamente arrastada por um ex-namorado) – porque isso então, meu Deus, praticamente equivalia a ir assistir a um show de mulatas aqui mesmo no Rio de Janeiro!!! Depois, claro, desencanei dessa bobagem – afinal, eu podia até ser uma turista bem à vontade na cidade, mas continuava sendo turista, e estava perdendo muita diversão… Em compensação, Buenos Aires se tornou a minha segunda casa – uma cidade onde eu tenho planos sérios de passar uma temporada um dia, de preferência fazendo um curso para dar uma boa polida no meu espanhol!

Por essas razões, eu acho muito esquisita essa mania que os brasileiros têm (talvez nem por opção própria, mas pela conveniência dos pacotes, eu sei…) de se hospedar no centro da cidade. Há mais de 10 anos, quando eu estive lá pela primeira vez, ainda havia alguma vida no centro de Buenos Aires, bares e restaurantes movimentados, sessões de cinema por toda a noite – mas agora isso ficou no imaginário popular e na lista de hotéis das operadoras de turismo! Acho que o centro de Buenos Aires, principalmente no trecho da Florida pra cima, em direção à Av. 9 de Julio, está super degradado, e não deveria nem ser considerado como opção de hospedagem por quem está a fim de ficar em um lugar minimamente charmoso. Corrientes, Suipacha, Esmeralda, 9 de Julio? Não, muito obrigada – para mim isso equivale a ficar hospedada na Av. Presidente Vargas, aqui no Rio de Janeiro…

Eu sei que pode ser mais difícil conseguir um pacote com um bom preço quando o hotel não fica no centro… Mas, para evitar os ônibus fumacentos e os latões de lixo praticamente na porta do hotel, se o centro for inevitável, acho que a melhor opção é a região mais próxima à Plaza San Martin, bem no comecinho da Florida.

Próximo dali, um hotel queridinho dos pacotes brasileiros e bem em conta é o Facón Grande.  É um hotel mais novo, o que em Buenos Aires significa muito, já que vários dos grandes hotéis de outros tempos estão bem decadentes – e isso significa carpetes velhos, banheiros muito antigos, ar-condicionado funcionando mal, e por aí afora. Ao Facón falta charme, é verdade, mas sobra funcionalidade, preço (US$ 60 o quarto duplo) e boa localização – e, claro, um café da manhã nota 10, quesito importante para quem é viciada como eu…😉

15 Respostas to “Buenos Aires y yo…”

  1. Ricardo Freire Says:

    Perfeito! Quando eu voltei a Buenos Aires em 2003, depois de muitos anos ausente, estava preparado para as novidades de Palermo (uma amiga que tinha negócios em Buenos Aires já me falava de lá há tempos), mas não para a decadência do Centro. Concordo com você — por ali, ou San Martín, ou nada feito. Você chegou a pegar a Lavalle tomada de gente às 3 da manhã na saída do cinema? Minha teoria é que a muvuca do Centro se mudou para as imediações do Cemitério da Recoleta… (e o charme da noite da Recoleta se mudou um pouco mais para o norte…)

  2. Carla Says:

    Riq, é isso mesmo!!! Quem se lembra das multidões na Lavalle saindo daquelas sessões de cinema lotadas no meio da noite realmente não reconhece o centro hoje em dia…

    Eu concordo que a muvuca do centro foi lá pra Recoleta, sim, mais especificamente ali atrás do cemitério, em frente ao Village Recoleta. Aliás, a saída do cinema ali lembra muito a Lavalle daqueles tempos…

  3. Daniela Siqueira Says:

    Carla, acabei de voltar do Uruguai, e adorei a viagem – obrigada pela ajuda!! Alguns imprevistos (como estar tudo fechado em Montevideo no carnaval, e não conseguirmos alugar um carro – carteira vencida: eu me odeio!) deixaram as coisas mais improvisadas, mas mesmo assim nos divertimos muito. Aguardo os relatos sobre a parte uruguaia da sua viagem!

  4. Carla Says:

    Daniela, que bom que, apesar dos imprevistos, tudo correu bem! Estou preparando os relatos – e as fotos, claro! – do Uruguai no capricho!

  5. Arnaldo FATOS & FOTOS de Viagens Says:

    Belas dicas!

  6. Jorge Bernardes Says:

    Carla, uma coisa que aprendi é que ser turista é o máximo. Mas turista com estilo. E vc demonstra ter. Blog bacana.

  7. Carla Says:

    Tem razão, Jorge, ser turista é mesmo o máximo! Mas realmente, como em tudo na vida, ter estilo é fundamental…😉

  8. Majô Says:

    Carla, gostei de suas dicas atuais e práticas de Buenos Aires, com todas as dicas importantes para ser um turista descolado. Estive lá há muuuuuuitos anos, agora estou atualizada ;p
    Como você, também fotografo o quarto do hotel ou pousada quando chego rs ah e dos pratos que gosto também.
    A sua primeira foto é de qual piscina de corais ?
    Parabéns pelo blog

  9. Carla Says:

    Majô, seja super bem-vinda! Ainda vou falar um pouco mais sobre Buenos Aires, aqui foi só uma amostra grátis…🙂

    A piscina daí de cima é Porto de Galinhas!

  10. Lídia Says:

    Carla, bacanas demais suas dicas de viagem pelo Chile e Argentina.
    Vou fazer o roteiro Santiago, Lagos, Bariloche e Buenos Aires entre 08 e 20/Jun/2008. Tenho olhado pacotes tradicionais, mas pelos seus relatos aqui em seu blog, agora penso que deveria ficar 3 dias em Santiago (no pacote teremos 2, excluindo passeios a Viña del Mar OU Valparaíso, dependendo das condições do tempo!!). Para isso, eu devo personalizar meu pacote ou ir por conta própria. A idéia de eu e minha amiga, que irá comigo, planejarmos sozinhas a viagem é tentadora, pois teremos mais liberdade de escolha e não ficaremos presos no hall do hotel às 7 da manhã aguardando o pessoal da “excursão” se reunir. Isso é horrível!!
    Para tanto, é indispensável algum conhecimento básico do espanhol ou dá pra se virar com o portunhol ou inglês?
    Outras dúvidas que tenho e que gostaria, por gentileza, que me ajudasse:
    *dá pra viajar sem cartão de crédito, só com dinheiro em cash?
    *tem idéia se temos chance de pegar o início da neve em Bariloche já em meados de Junho?
    Muito obrigada e um abraço.
    Lídia.

  11. Carla Says:

    Lídia, vocês conseguem se virar com portunhol ou inglês, sim, sem problemas! Também é possível viajar sem cartão de crédito (embora seja mais seguro poder contar com um para alguma emergência…), mas acho que não dá pra alugar um carro nesse caso. Acredito que em meados de junho já tenha neve em Bariloche, sim!

  12. Olimpia Says:

    Carla adorei suas dicas. Meu filho pretende me presentear com uma viajem a Bueno Aires, poderia nos indicar hotel, lugares para se ir….Vamos por nossa conta. Obrigada

  13. Carla Says:

    Olimpia, se vocês forem passar uma semana ou no mínimo uns 5 dias, o que mais vale a pena é alugar um apartamento. Dá uma olhadinha no site da Byt Argentina: http://www.bytargentina.com Há ofertas de apartamentos super bem localizados na região da Recoleta por cerca de US$ 300 a semana.

    Aqui mesmo no blog tenho várias dicas de lugares para visitar em Buenos Aires: https://idasevindas.wordpress.com/category//argentina/buenos-aires Se você quiser trocar mais idéias, estou à disposição, Ok?😉

  14. guilherme Says:

    que pena, so li esses comentarios sobre o centro depois de fechar o hotel,…mas você poderia me dar umas dicas sobre bairros para sair, caminhar de dia, noite,…

  15. Carla Says:

    Queridos, este blog foi desativado e está fechado para comentários. Todos os posts e respectivos comentários foram transferidos para a nova casa do Idas & Vindas, em http://www.idasevindas.com.br . Aguardo lá a sua visita!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: