A pé por Buenos Aires

Que me perdoem os amigos colorados, mas a trilha sonora das minhas viagens por Buenos Aires, desde a primeira, sempre foi o hino do Grêmio! “Até a pé nós iremos…” – existe afirmação mais adequada para quem está disposto a desbravar um lugar?😉

Buenos Aires é uma cidade plana, muito bem organizada, perfeita para caminhar. Também é muito fácil se localizar – cada quarteirão mede 100 metros, e contém 100 números – assim, se estou na altura do número 250 de uma determinada rua e quero ir até o número 720, sei que preciso caminhar cerca de 5 quarteirões. Outra dica é que a numeração das ruas obedece à mesma numeração das avenidas – ou seja, se quero ir ao número 300 de uma rua paralela à Avenida Santa Fé, por exemplo, posso me guiar pela numeração da avenida e vou saber exatamente em qual rua devo entrar para encontrar o endereço que procuro. 

O site oficial da cidade de Buenos Aires traz alguns roteiros a pé para quem desejar desbravar a cidade caminhando. São roteiros autoguiados, separados por bairros – 16 no total, de Abasto a Puerto Madero, de La Boca a Palermo, sem esquecer a Recoleta. Basta imprimir os mapinhas, escolher um sapato confortável e… “até a pé nós iremos”!😉

Um outro grande companheiro de passeios, infelizmente já esgotado, é o livrinho do Hugo Ibarzábal, Buenos Aires Passo a Passo. O livro é pequeno e fininho, próprio para ser levado na caminhada e usado como mapa e guia ao mesmo tempo. São 11 roteiros para serem percorridos a pé, com mapas, explicações e curiosidades. Ainda não consegui seguir todos os roteiros propostos no livro – de vez em quando faço um deles, sem muita rigidez, mudando uma coisa e outra quando dá vontade. Mas foi ele a minha inspiração para me aventurar a pé por Buenos Aires e organizar as dicas de passeios que os amigos pedem – e que pretendo compartilhar aqui nos próximos dias…

26 Respostas to “A pé por Buenos Aires”

  1. Diogo Says:

    Ah, o Carlota, falar em grêmio aqui detona o post… perde completamente o brilho. Vamos falar de coisas boas né?! Hahahahahahaha!!!

    Dá-lhe Colorado Campeão do Mundo – FIFA😎

    Bjão, Diogo.

  2. Carla Says:

    😆 Mas, confessa, Diogo, o hino é apropriado para o meu nobre propósito…

  3. Karinissima Says:

    adorei a dica do site com os roteiros. Você é realmente especialista em Buenos Aires!😀

  4. Abel Says:

    BOCA 5 X 0 MEIA BOCA

  5. Tamara Says:

    Não tem dieta melhor que Bueno Aires. Agente come, come, come e sai de lá magrinha de tanto caminhar!!!

  6. Diego Dotta Says:

    Realmente Carla, não tem cidade tão gostosa como Buenos Aires para percorrer a pé, desde que se tome muito cuidado com aquele transito estranho.

    Falando em futebol, não me senti muito seguro andando pela região do estádio do boca, meio boca braba, hehehehe…

    Um abraço e boa viagem

  7. Carla Says:

    Karinissima, não sou especialista, não, sou só super hiper apaixonada por aquela cidade…😉

    Abel, querido, o papo não é sobre futebol, não, é sobre caminhadas… Não conheço hino mais apropriado – você conhece? Não sou gremista nem colorada, muito menos gaúcha, portanto não poderia me importar menos com essa rivalidade…

    Tamara, você disse tudo! Aliás, essa é uma dieta boa pra se fazer também na França, na Itália – só que lá não sai tão em conta…😛

    Diego, eu também tenho receio de andar por aquela região do Boca, já me disseram que é mesmo perigosa. Na verdade, é um dos roteiros do livro do Ibarzábal que nunca fiz… E quanto ao trânsito, você está sendo generoso – aquilo lá é um perigo!!!😆

  8. Diego Says:

    Carla, eu tô com o Diogo. Falar em grêmio quebra o post. No momento atual, apropriado seria vc falar em Boca. Hehehe. E da-lhe Riquelme. Essa vitória dos argentinos e o seu post me deram mais vontade de revisitar essa capital maravilhosa.
    Bjs

  9. Carla Says:

    Meninos, não sejam tão radicais – eu pedi perdão antecipado por usar o hino adversário…😉 De qualquer forma, dá-lhe Buenos Aires, né? Eu também já estou morrendo de vontade de voltar!

  10. Emília Says:

    Para mim, caminhar é uma das melhores maneiras de manter a cabeça boa, seja no mato ou na cidade. E se essa cidade for Buenos Aires…muito melhor!
    Como diria o slogan: ‘Keep walking’😛

  11. Carla Says:

    Concordo, Emília! E Buenos Aires é tão plana que mesmo quem não tem o hábito de caminhar fica tentado…😉

  12. Chris Pessoa Says:

    Que legal as suas dicas!!! Vou ver se arrisco alguns passeios a pé por aqui.

  13. Patsy Says:

    Oi Carla, gostei muito dessa dica, Buenos Aires é um destino sonhado e sua programação é breve. Obrigada !!

  14. Carla Says:

    Chris e Patsy, aproveitem as dicas e pé na estrada!😉

  15. Diogo Says:

    Tá sumida hein?!

    Bjo, Diogo.

  16. Carla Says:

    Nossa, Diogo, tou mesmo… Menino, não estou encontrando tempo nem pra atualizar o blog…😥 Mas esse excesso de trabalho é porque preciso encerrar tudo para ir pra POA dia 16!!!😀

  17. CARLOS EDUARDO Says:

    Carla, você teria alguma indicação de um apart bem localizado para uma familia de 4 pessoas? Casal e duas filhas, sendo uma pequena?
    Obrigado…Realmente a cidade é ótima para se conhecer a pá

  18. Carla Says:

    Carlos Eduardo, eu nunca me hospedei em aparts em Buenos Aires, então só posso mesmo te recomendar a localização… O Apart Hotel Recoleta, por exemplo, fica num ponto ótimo, na Guido perto da Ayacucho: http://www.apartrecoleta.com.ar Vocês já pensaram em alugar um apartamento ao invés de ficar num apart? Dá uma olhadinha nas ofertas do BytArgentina, pra ter uma idéia: http://www.bytargentina.com

  19. Cecília Says:

    Estive em Buenos Aires no carnaval. Me apaixonei perdidamente! Agora estou voltando em Outubro junto com Calafate e Ushuaia.
    Você teria alguma dica sobre esses dois locais?
    Obrigada.

  20. Carla Says:

    Puxa, Cecilia, não sei nadinha, nadinha nem sobre Ushuaia nem Calafate…😦 Dá uma chegadinha lá no Viaje na Viagem e deixe a sua pergunta – tenho certeza que alguém vai saber te ajudar! O link é http://viajeaqui.abril.com.br/indices/conteudo/blog/viaje-na-viagem.shtml

  21. Alexandre Says:

    Carla, se você me permite, queria dar um pitaco no assunto “Ushuaia”: lá no blog da Emilia, A Turista Acidental, tem um texto recente com dicas do Ernesto, o Pato Econômico, que viajou para Ushuaia. O link é este abaixo:

    http://aturistaacidental.wordpress.com/2008/06/13/a-migracao-do-pato-economico-ushuaia/

    Um abraço!

    Alexandre

  22. Carla Says:

    Uau, Alexandre, que ótimo! Obrigada! Eu não tinha visto ainda que o Ernesto já tinha feito o post pra Emília! Vou lá olhar também…😀

  23. Ivo Says:

    Adorei seu blog, estou indo à Argentina e ao Uruguai (sete noites em Buenos Aires e duas em Montevidéu). Vou também passar um dia em Colônia, mas não vou dormir lá. Vou pegar o buque expresso das 11h30 e marquei a passagem pras 20h. Queria a sua opinião, se 8h seguidas em Colônia são excessivas.

    Obrigado e parabéns pelos posts.

  24. Felinea Says:

    adorei as dicas.

    me vou a buenos em poucas semanas :))

    ah, e o hino do imortal é apropriadíssimo! vou lembrar quando estiver por lá.

    um abraço.

  25. Carla Says:

    Aproveite bastante, Felínea!😉 E você vai ver que o hino é mesmo uma trilha sonora bem apropriada…

  26. Carla Says:

    Queridos, este blog foi desativado e está fechado para comentários. Todos os posts e respectivos comentários foram transferidos para a nova casa do Idas & Vindas, em http://www.idasevindas.com.br . Aguardo lá a sua visita!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: